sexta-feira, 11 de maio de 2012

Barack Obama aprova o casamento gay?


Dário José

O presidente americano Barack Obama sinalizou um “sim” às uniões homoafetivas. Entrevistado na Casa Branca pela jornalista Robin Roberts, da estação de televisão ABC, Obama declarou o seu apoio ao casamento gay: “Penso que as pessoas do mesmo sexo devem poder casar”. As opiniões se dividem. 

De um lado, há os que entendem esse “Yes, you can ...” do presidente à comunidade homossexual como um grande avanço na história  norte-americana, principalmente as organizações que defendem os direitos dos gays e os democratas progressistas. 

Outros, os conservadores, já pensam diferentes, achando que tal posicionamento vai de encontro aos valores morais e fere os princípios bíblicos. Os mais indignados declaram que tal atitude afetará Obama na eleição presidencial, em novembro desse ano, nos EUA. 

O presidente dos EUA Barack Obama, na Casa Branca sendo entrevistado por Robin Roberts, da ABC

Em campanha eleitoral em 2008, Obama mostrou-se contra o casamento gay, mas a favor das uniões civis. De lá para cá, parece que vem mudando gradativamente de opinião. Essa sua declaração fortalece o seu possível adversário político, o republicano Mitt Romney, que durante toda a campanha mostrou sua firme posição contra o casamento gay. Segundo a Gallup, 52% dos americanos aprovam o direito dos casais gay se casarem, contra os 37% que desaprovam.
 
A Bíblia fala sobre o homossexualismo

O Antigo Testamento vê o homossexualismo como pecado de abominação.  Em Levítico 18.22, Deus diz: 

“Com o homem não te deitarás, como se fosse mulher; é abominação”. (ARA)

O Novo Testamento reconhece o homossexualismo como paixão infame, torpeza (aquilo que é contrário a natureza, atos indecentes, perversão) - Romanos 1.26,27. Os que praticam tais coisas, se não se arrependerem, não entrarão no Reino de Deus – I Coríntios 6.9,10.

Os ativistas gays
se recusam em não acreditar nisso. Talvez até você que está lendo este post não acredite nisso. Mas isso não revoga o posicionamento de Deus sobre o homossexualismo.


Ativistas gays sugerem que Jesus nunca falou nada contra o homossexualismo


Encontramos aqui duas coisas: 1) As Leis do Antigo Testamento são contra o homossexualismo e Jesus nunca se posicionou contrário às Leis, pois  veio para cumprí-las (Mateus 5.17,18).  2) Jesus deixou bem clara sua posição sobre a sexualidade humana (Mateus 19.4-6). Nesse texto, Jesus relembra que Deus criou no princípio, apenas macho e fêmea. E quando fala sobre eunuco, Jesus não insinua sobre homossexuais, lésbicas, transexuais, travestis, bissexuais e afins.

Sola Scriptura!

Um comentário: