sexta-feira, 29 de novembro de 2013

O que é a vida...


Dário José

A vida... Ah! A vida é volátil!

O tempo passa numa velocidade...

Perfumes, sons e fotos velhas provocam saudades,

E rugas não mentem jamais as idades!



A vida... Ah! A vida é versátil!

Precisa-se ser forte, teimoso e ágil,

Aprender a “nadar nos naufrágios”,

E transformar as experiências em adágios!



A vida... Ah! A vida é retrátil!

Encolhe na medida em que o tempo passa,

O tic-tic dos relógios a descompassa,

Tornando a sua vitalidade, escassa!



A vida... Ah! A vida é pulsátil!

Lateja com o ritmo do coração.

Mas é tão fugaz quanto à ilusão,

E mais pungente do que a paixão!



A vida... Ah! A vida não é portátil!

Não se pode torná-la tacanha,

Mesmo que alguém tente tal façanha,

A vida continua um milagre, de força tamanha!



A vida... Ah! A vida não é tátil!

É obra prima do Supremo Criador,

Que é também seu Mantenedor.

Ei! A vida... Ah! A vida não passa de tênue vapor!

Nenhum comentário:

Postar um comentário