terça-feira, 20 de janeiro de 2015

O que é sofrer solução de continuidade?

Dário José

Sofrer "solução de continuidade" é o mesmo que interromper; o contrário, quando algo prossegue "sem solução de continuidade" é porque não houve nenhum impedimento.

A experiência humana aliada à história, que é sempre cíclica, comprova que tudo que não segue a ética, a verdade, a seriedade, fatalmente sofrerá solução de continuidade.

É só questão de tempo, e...

Dissolver-se-á toda subserviência travestida de submissão. Mais cedo ou mais tarde, o bajulador “pisará” o pé de quem tantas vezes “beijou”.

Dissolver-se-á toda “santidade” desprovida de Deus. Tal piedade nada mais é do que religiosidade carregada de rituais externos.

Dissolver-se-á todo casamento que insiste “provar” e “demonstrar” que é “perfeito”. Tais matrimônios duram o mesmo tempo que um comercial de margarina na TV.

Dissolver-se-á toda liderança que “chefia” amedrontando e auto se beneficiando. Não serve para liderar quem não lidera servindo.

Dissolver-se-á toda amizade interesseira e descartável. Quem não cultiva amigos de verdade, terminará sozinho procurando colher o que nunca plantou.

Dissolver-se-á toda forma de culto exteriorizado. Culto antes de ser ato público, deve ser atitude interior que normatize a maneira de viver de cada indivíduo.

Dissolver-se-á todo emocionalismo “evangelístico”, aqui e ali propagado. A Igreja de Cristo “simplesmente” não faz missões, mas é a própria Missão de Deus na terra.

Dissolver-se-á todo o legado histórico “montado” para alimentar o próprio ego. Os frutos não alimentam a árvore, mas aos outros.

Dissolver-se-á toda politicagem que insiste em posar como boa política. Fazer política é governar com poderes provenientes do povo e retornáveis para o bem do povo.

Dissolver-se-á todos os “mirabolantes” projetos humanos não ratificados pelos Céus. Já os planos de Deus, até os “mais simples”, nunca serão frustrados, pois não precisam da “aprovação” da terra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário